Produção de memes como campanha contra as fake news

conciliando criatividade, humor, ativismo e formação docente

Resumo

O presente trabalho possui por objetivo apresentar uma experiência de ativismo político, por meio da produção criativa de memes, como forma de enfrentamento ao problema das fake news. Esta experiência ocorreu no segundo semestre de 2018, com alunos do curso de Pedagogia do Instituto Superior de Educação do Rio de Janeiro, que produziram memes para veicular em suas redes sociais, como uma campanha político-educativa. A apropriação dos distintos gêneros discursivos, bem como a imersão na rede com o letramento digital desenvolvido é urgente a todos, mas aos futuros professores, trata-se de uma urgência ainda maior. A associação da criatividade, autoria e ativismo, possibilitou a estes licenciandos, ultrapassarem a cultura do compartilhamento detido no mero consumo, para promover visibilidade da sua própria autoria.

Biografia do Autor

Keite Silva de Melo, PUC-Rio; ISERJ/FAETEC e SME Duque de Caxias

Doutora em Educação pela PUC-Rio, mestre em educação pela UNESA, especialista em Supervisão Educacional pela UNICAM e especialista em Mediação Pedagógica em EAD pela PUC-Rio. Pedagoga pela UERJ, atualmente leciona no curso de Pedagogia do Instituto Superior de Educação do Rio de Janeiro (ISERJ), é professora-tutora da Faculdade Souza Marques e professora da rede municipal de Educação de Duque de Caxias. Pesquisadora no grupo de pesquisa Formação de Professores e Tecnologias Educacionais / FORPROTEC/CNPq.

Andréa Villela Mafra da Silva, Unirio e ISERJ/FAETEC.

Pós Doutorado em andamento pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. Doutora em Educação pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Graduada em Pedagogia pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, onde também cursou o Mestrado em Educação na linha de Subjetividade, Cultura e História da Educação. Especialista em Planejamento, Implementação e Gestão em Educação a Distância pela Universidade Federal Fluminense. Atualmente professora do Ensino Superior da FAETEC no Curso de Pedagogia no Instituto Superior de Educação do Rio de Janeiro.  Coordenadora do grupo de pesquisa Formação de Professores e Tecnologias Educacionais / FORPROTEC/CNPq. Pesquisadora do Grupo de Estudos e Pesquisas em Avaliação e Currículo/GEPAC/CNPq. 

Valéria Ribeiro Rodrigues, ISERJ/FAETEC

Licencianda do Curso de Pedagogia (ISERJ/FAETEC) e participante do grupo de pesquisa Formação de Professores e Tecnologias Educacionais / FORPROTEC/CNPq.

Margareth da Silva Miranda Gonçalves, ISERJ/FAETEC

Licencianda do Curso de Pedagogia (ISERJ/FAETEC) e participante do grupo de pesquisa Formação de Professores e Tecnologias Educacionais / FORPROTEC/CNPq.

Publicado
17/12/2019